Metade dos eleitores brasileiros receberam informações sobre política pelo Facebook, Twitter ou WhatsApp

Hábito é maior entre eleitores mais jovens

Nos últimos 12 meses, 51% dos eleitores brasileiros afirmam ter recebido ou lido informações sobre política no Facebook, Twitter ou WhatsApp. Esse hábito é maior entre eleitores mais jovens, já que 55% dos que receberam informações sobre política em mídias sociais têm até 34 anos de idade.

O gráfico abaixo compara a distribuição dos eleitores brasileiros por faixas etárias com a distribuição etária dos eleitores que leram informações sobre política. É possível observar, então, a maior presença de eleitores mais jovens e a pouca representatividade de eleitores mais velhos neste último grupo em comparação com a população total de eleitores.

 perfil-2

O hábito de receber e ler informações sobre política na internet também é maior entre os eleitores com mais tempo de estudo (28% cursaram ensino superior).


No gráfico a seguir, que compara a escolaridade dos eleitores com a escolaridade daqueles que leram ou receberam informações políticas em redes sociais, destaca-se a maior presença dos eleitores que cursaram o ensino médio ou superior.

perfil-3

Impacto da informação na imagem dos políticos

O IBOPE Inteligência, emprea associada ao grupo Kantar, questionou os eleitores sobre o impacto que as informações divulgadas nos últimos 12 meses no Facebook, Twitter ou WhatApp, tiveram sobre a imagem que eles e seus conhecidos tinham de políticos ou partidos. Para 56% as informações a que tiveram acesso contribuíram para piorar a imagem dos políticos. Já os que afirmam que as informações mudaram para melhor a imagem que tinham de políticos e partidos somam 27%.

Fonte: IBOPE Inteligência

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>